Tuesday, Jun 28th

Last update06:57:28 PM GMT

  
AddThis Social Bookmark Button

Oficinas Ponto de Cultura 2016



O Ministério da Cultura e a Associação Viva e Deixe Viver apresentam:

Viva A Descoberta do Brincar e Contar Histórias

O Ministério da Cultura e a Associação Viva e Deixe Viver promovem, pelo segundo ano consecutivo, entre março e setembro deste ano, o projeto “Viva a Descoberta do Brincar e Contar Histórias”, em São Paulo. Realizado sob a chancela do Ponto de Cultura, este projeto tem como proposta oferecer, por meio de atividades de capacitação e oficinas, ferramentas e técnicas sobre a cultura do brincar e do contar histórias para diversos profissionais que trabalhem no desenvolvimento humano e na formação de crianças e adolescentes no âmbito da saúde e educação.

O curso será realizado em sete Pontos de Cultura Focais, cada um deles oferecendo os sete módulos do programa, totalizando 49 oficinas gratuitas no ano. A estratégia visa facilitar a participação dos hospitais parceiros da Associação Viva e Deixe Viver, localizados no entorno de cada ponto focal.

São esperados profissionais que trabalhem no desenvolvimento humano: profissionais da área da saúde e voluntários que queiram utilizar as técnicas para humanizar os atendimentos na saúde e educação.

Em cada encontro serão sorteadas 10 coleções de livros Eu e a Célula e o jogo Eu Conto!. O participante que comparecer em 75% de todos os módulos, ganhará um certificado.

Faça a sua inscrição aqui


Confira a programação completa abaixo:


Oficina 1: Dinâmicas de grupo e roda conversa

Ementa
Nesse módulo será estabelecido uma conversa com os profissionais da saúde, para que eles sintam-se ouvidos, acolhidos e estimulados na sua prática diária. Acontecerá uma narração de histórias, roda de conversa e dinâmica do grupo, com muita interação e ludicidade.


- 8 de março - Darcy Vargas 14h às 17h
- 11 de março - Santa Casa 13h às 14h30
- 15 de março - Cândido Fontoura 14h30 às 17h
- 16 de março - Guilherme Alvaro 14h30 às 17h30
- 18 de março - IPQ 15h às 17h
- 28 de março - AACD 18h às 22h

Oficina 2: Múltiplas habilidades de um storyteller e sua narrativa

Ementa
Nessa oficina será apresentado o conceito e características de um storyteller, a análise das influências da arte de interpretar no ambiente hospitalar, a consciência vocal e corporal para um atendimento lúdico e a análise da história “Um tesouro a descobrir no barco que naufragou”, com o ambiente de trabalho.


- 6 de abril - Guilherme Alvaro 14h30 às 17h30
- 8 de abril - Santa Casa 13h às 14h30
- 8 de abril - IOT 14h às 16h
- 15 de abril - Cândido Fontoura 14h30 às 17h
- 19 de abril - Darcy Vargas 14h às 17h
- 25 de abril - AACD 18h às 22h
- 29 de abril - IPQ 15h às 17h

Oficina 3: Paixão pela leitura através da valorização do conteúdo: o autor

Ementa
A oficina em biblioterapia se dá por meio da leitura e sua prática interpretativa. Esse módulo comtempla não apenas a leitura de histórias, mas os comentários relacionados a ela, desenvolvendo uma leitura terapêutica. Ela é muito utilizada em hospitais e funciona tanto como uma atividade de lazer para aliviar a tensão do ambiente, quanto uma forma de autoconhecimento.

- 27 de abril - Guilherme Alvaro 14h30 às 17h30
- 10 de maio - Darcy Vargas 14h às 17h
- 13 de maio - Santa Casa 13h às 14h30
- 13 de maio - IOT 14h às 16h
- 16 de maio - Cândido Fontoura 14h30 às 17h
- 20 de maio - IPQ 15h às 17h
- 30 de maio - AACD 18h às 22h

Oficina 4: Comunicação e expressão (valorização das comunicações interpessoais). O corpo produz saúde e educação

Ementa
O origami é uma ferramenta lúdica. Com os personagens criados, pode-se inventar histórias fantásticas, que ajudam na recuperação do paciente. Nesse módulo será introduzida a origem do origami. Logo após terá a prática demonstrativa, junto com os participantes, de dois tipos de origami, Balão e Tsuru (pássaro).


- 18 de maio - Guilherme Alvaro 14h30 às 17h30
- 7 de junho - Darcy Vargas 14h às 17h
- 10 de junho - IOT 14h às 16h
- 15 de junho - Cândido Fontoura 14h30 às 17h
- 24 de junho - Santa Casa 13h às 14h30
- 27 de junho - AACD 18h às 22h
- 29 de junho - IPQ 15h às 17h

Oficina 5: Vivendo Valores na Saúde e Educação – Mente: Fonte de todas as nossas histórias – A importância do silêncio

Ementa
A oficina “Vivendo Valores na Saúde” visa proporcionar aos participantes uma experiência de autoconhecimento e reconhecimento do mundo à sua volta. Através de dinâmicas lúdicas e de cunho artístico, bem como de momentos de interiorização e silêncio, os participantes refletirão com profundidade em relação à prática de valores em relação a si, aos outros e ao mundo, inspirando novas atitudes no ambiente hospitalar.

- 8 de junho - Guilherme Alvaro 14h30 às 17h30
- 5 de julho - Darcy Vargas 14h às 17h
- 15 de julho - Cândido Fontoura 14h30 às 17h
- 15 de julho - Santa Casa 13h às 14h30
- 23 de julho - AACD 8h às 13h
- 29 de julho - IPQ 15h às 17h
- 12 de agosto - IOT 14h às 16h

Oficina 6: Histórias na Primeira Infância (Bebê)

Ementa
Nesse módulo será apresentada a abordagem sobre a arte de ler e contar histórias, centrando na questão do contador de histórias, suas possibildadestécnicas e a necessidade de formação de um rerpetório.


- 29 de junho - Guilherme Alvaro 14h30 às 17h30
- 9 de agosto - Darcy Vargas 14h às 17h
- 12 de agosto - Santa Casa 13h às 14h30
- 15 de agosto - Cândido Fontoura 14h30 às 17h
- 26 de agosto - IPQ 15h às 17h
- 29 de agosto - AACD 18h às 22h
- 9 de setembro - IOT 14h às 16h

Oficina 7: A Contação de Histórias e o Brincar nos cuidados Paliativos

Ementa
Nessa oficina será sensibilizada a importância da literatura infantil e sua função humanizadora e terapêutica, além de promover a reflexão sobre a seleção de histórias para situações específicas e abordando o recurso biblioterapia.

- 10 de agosto - Guilherme Alvaro 14h30 às 17h30
- 13 de setembro - Darcy Vargas 14h às 17h
- 15 de setembro - Cândido Fontoura 14h30 às 17h
- 16 de setembro - Santa Casa 13h às 14h30
- 23 de setembro - IPQ 15h às 17h
- 29 de setembro - AACD 18h às 22h
- 14 de outubro - IOT 14h às 16h

Clique aqui para fazer a sua inscrição